Grazmec participa de workshop sobre a Campo Limpo

A Grazmec participou do evento: Controle de capim anonni e outras plantas indesejáveis: experiências com o uso do aplicador seletivo Campo Limpo. A palestras de pesquisadores, usuários da máquina e da Grazmec, aconteceu na cidade de Bagé / RS, e foi promovido pela Embrapa Pecuária Sul.

O evento teve por objetivo mostrar aos pecuaristas e demais produtores rurais a eficácia da Campo Limpo quando se trata de controle de Capim Anonni, muito presente na região do evento. Com tecnologia exclusiva da EMBRAPA e feita em parceria com a Grazmec a Roçadeira foi projetada para o controle seletivo de plantas daninhas, inclusive gramíneas invasoras.

Os resultados da Campo Limpo tem se mostrado muito satisfatórios, uma máquina que cumpre com o objetivo de eliminar as plantas daninhas, sem prejudicar a pastagem e o mais importante, sem espalhar o produto no meio ambiente. A cada ano que se passa, a máquina tem ganhado mais admiradores pelo excelente resultado apresentado e por sua facilidade no uso e na sua manutenção, facilitando assim a logística e o tempo no momento da aplicação.

“A Grazmec está sempre trabalhando para entregar produtos de qualidade e que facilitem a vida do homem no campo, tudo isso aliado a tecnologia e serviços acima da média. Esse evento com a Campo Limpo serve de termômetro para ver a aceitação do produto pelo mercado, e quais são os pontos que devem ser trabalhados para a evolução da máquina. Por isso o workshop além de trabalhar a divulgação de resultado e do próprio equipamento em si, serve como coletor de conteúdo para futuras discussões e melhorias dos nossos equipamento e serviços”, explica Emerson de Mattos diretor de Marketing da Grazmec.

Para a Grazmec esse evento teve grande importância, pois além de ter um contato mais direto com os pesquisadores e idealizadores da máquina para ver quais os rumos que as pesquisas com a Campo Limpo estão tomando, também foi possível sentir a aceitação dos clientes com a máquina e dialogar sobre o que se pode melhorar no equipamento, para quem sabe no futuro deixar mais tecnológica e de prática para o cliente.

Grazmec estará presente na Expointer 2018

A expectativa da Grazmec para a Expointer 2018 são as melhores possíveis, essa que já é uma feira tradicional no Estado do Rio Grande do Sul. A época é propicia para bons negócios, pois antecede o plantio de milho e soja, principais culturas no tratamento de sementes, tornando assim uma das melhores feiras para os produtos Grazmec.

” A EXPOINTER chega novamente com ar de pingo de bom trote e a mansidão dos trigais, esse grande evento que une pecuária e agricultura em total sintonia, traduz convivência em bons negócios. Estamos ansiosos em apresentar o que temos de melhor em máquinas, atendimento e também confiantes em resultados mais expressivos em relação a edição anterior”, comenta Mário Bandeira Filho – Gerente Comercial.

Nessa edição a Grazmec levará um de seus lançamentos a GV240i, ela foi lançada na Expodireto em Março deste ano, e tem uma grande aceitação pelo mercado, e sabendo do grande potencial do público que visita a Expointer há uma grande expectativa pela aceitação deste equipamento. Aguardamos todos no nosso estande e desejamos uma EXPOINTER plena em amizade e grandes negócios!

Dia de Campo promoveu aproximação com clientes do MS

O Dia de Campo Agro Campo, realizado na cidade de Amambai, no Mato Grosso do Sul, reuniu 54 clientes, que tiveram a oportunidade de conhecer melhor e de perto as máquinas e implementos. O Dia de Campo aconteceu no dia 15 de fevereiro e teve a participação da Grazmec em parceria com as empresas Matsuda e Fertilizantes Heringer.

“Ações como esta são importantes para aumentar a aproximação com o cliente, pois nestas oportunidades eles podem tirar dúvidas e conhecer a fundo a qualidade dos produtos que temos a oferecer”, avalia o representante do MS, Luciano Giraldi de Andrade, o “Caipira”.

O foco do dia de campo foi a apresentação da roçadeira química Capo Limpo, um implemento com tecnologia exclusiva da EMBRAPA, projetado para o controle seletivo de plantas daninhas, inclusive gramíneas invasoras.

A Campo Limpo é sucesso entre os produtores pois, reduz o risco de deriva porque não pulveriza, somente umidifica a planta; e é resistente à corrosão, oferecendo grande autonomia de trabalho; dentre outros benefícios.